Mais de 6 mil lojas fecham portas na Bahia no 2º trimestre de 2020, diz CNC

Um levantamento realizado pela Fecomércio-BA e Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) apontou que 6.370 lojas fecharam as portas na Bahia no segundo trimestre deste ano.

O estado ocupa a sexta posição entre as unidades federativas que mais perderam pontos de venda no período entre abril e junho de 2020. O primeiro lugar na lista é São Paulo, com 40.430 estabelecimentos fechados, seguido de Minas Gerais (16.130), Rio de Janeiro (11.370), Rio Grande do Sul (9.690) e Paraná (9.498).
Entre os estados do Nordeste, a Bahia lidera a diminuição de empresas do setor do varejo, seguida de Pernambuco (4.250) e Ceará (3.350). Em todo o Brasil foram 135 mil lojas fechadas neste segundo trimestre.

*Metro1

Nenhum comentário:

Postar um comentário