Rui Costa diz confiar nos estudos europeus sobre a vacina russa; cientistas questionam análise que comprovou eficácia

O governador do estado, Rui Costa (PT), defendeu, em entrevista à CNN Brasil nesta quarta-feira (9), a vacina russa, que teve sua eficácia comprovada contra o novo coronavírus em estudo publicado na revista The Lancet, mas é questionada por cientistas de diversos países. A Bahia assinou acordo com a Rússia na terça-feira (8).

"Eu confio na ciência, medicina, nos especialistas brasileiros. São eles que vão ajudar a validar ou não o estudo", disse o governador. Os estudos têm que ser submetidos ao Comitê de Ética do Instituo Couto Maia, ao Conselho Nacional de Ética e Pesquisa (Conepe) e também à agência reguladora Anvisa.

Um grupo de 19 cientistas de diversas universidades do mundo assinou uma carta aberta questionando os resultados do estudo que comprovou a eficiência da vacina Sputnik 5 contra a covid-19.
"Existem padrões muito estranhos nos dados. Por padrões estranhos, quero dizer que existem valores duplicados para [grupos de] pacientes diferentes... o que não pode ser", disse Enrico Bucci, professor de biologia da Temple University nos Estados Unidos e um dos autores da carta que questiona o estudo publicado na Lancet.

*Bocão news

Nenhum comentário:

Postar um comentário