Rui Costa reconhece situação de emergência em Chorrochó por causa da seca


O governador Rui Costa (PT) reconheceu a situação de emergência decretada pela prefeitura de Chorrochó, por causa da seca que atinge a cidade. Uma publicação no diário oficial do estado deste último sábado (26), homologa o decreto municipal.

De acordo com a publicação, a decisão considera os danos decorrentes da seca que afeta as atividades econômicas do município, bem como as informações prestadas pela Superintendência de Proteção e Defesa Civil (SUDEC).

A situação emergencial foi decretada em Chorrochó no dia 2 de setembro, pelo prefeito Humberto Gomes (PP), e tem validade de 180 dias, a partir desta data. 

*metro1

Nenhum comentário:

Postar um comentário