Empresa de energia anuncia investimentos em parque eólico na Bahia


A Voltalia Energia do Brasil pretende investir na construção de um parque eólico no município de Canudos, com a construção do complexo, que terá a capacidade instalada de 99 Megawatts (MW) com grande potencial para expansão. O protocolo de intenções foi assinado pelo vice-governador João Leão, secretário de Desenvolvimento Econômico (SDE), na última sexta-feira, 16.

“Os bons ventos estão sempre trazendo notícia positiva para Bahia. Atraímos um novo parque que vai gerar emprego e renda para o povo baiano. A energia eólica já é a segunda fonte de energia do Brasil e o nosso estado tem contribuído para o crescimento dessa energia no país. Segundo o Operador Nacional do Sistema Elétrico [ONS], no dia 30 de setembro, o Nordeste bateu recorde na geração eólica e a Bahia foi responsável por 31% da energia gerada”, declarou Leão.

“Estou muito feliz em anunciar a entrada da Voltalia na Bahia. Graças a nossos esforços na expansão e diversificação regional, estamos levando para o estado toda nossa expertise no desenvolvimento, construção e operação de parques eólicos e esperamos que os ventos da Bahia sejam capazes de atender a necessidade de energia elétrica de milhares de residências em todo país ”, afirmou Robert Klein, CEO da Voltalia no Brasil.

Dentre 659 parques eólicos que tem no Brasil, 26,7% estão na Bahia. São 176 complexos movidos pelos ventos espalhados por 20 municípios e mais de 1,3 mil aerogeradores em operação, com capacidade instalada de 4,3 Gigawatts (GW). Desde 2012, o montante investido nos parques em atividade ultrapassa os R$ 17 bilhões, onde foram gerados mais de 48 mil empregos diretos na fase de construção. Os dados constam no Informe Executivo mensal de Energia Eólica da SDE.

A Bahia tem 119 parques em construção e com construção prestes a iniciar, com capacidade instalada de 3,3 GW. A previsão é que, juntos, possam injetar R$ 12,5 bilhões em investimentos no estado e gerem 50,3 mil empregos diretos e indiretos. Com as novas usinas, a Bahia pode alcançar 7,7 GW de potência instalada em eólica.

*A Tarde/UOL

Nenhum comentário:

Postar um comentário