Estudo identifica que Covid-19 pode causar sintomas na pele por longos períodos


Em alguns casos a infecção pela Covid-19 causa sintomas cutâneos que se prolongam por um longo período após o diagnóstico inicial. É o que identificou um estudo divulgado na última quinta-feira (29) no Congresso virtual da Academia Europeia de Dermatologia e Venereologia (EADV).

Para chegar às conclusões, os cientistas analisaram dados de 990 pacientes, de 39 países diferentes, e com diagnóstico positivo para a infecção pelo novo coronavírus. 

Os cientistas perceberam que os sintomas cutâneos duram em média 12 dias. Em alguns casos existe a possibilidade d eum período maior de duração, por mais de 150 dias após o diagnóstico. As informações são de reportagem da revista Galileu. 

Os pacientes apresentaram um amplo espectro de manifestações dermatológicas com duração variada.

A lista de reeações inclui urticárias, com duração média de 5 dias, e frieiras, com duração média de 15 dias, mas às vezes chegam a 130-150 dias; além de erupções papuloescamosas, que são pápulas e placas escamosas qeu podem persistir por até 20 dias, traz a matéria.

*Bahia Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário