Covid-19: Pfizer prevê rápida implantação de vacina na América Latina


A farmacêutica norte-americana Pfizer espera lançar rapidamente sua vacina experimental contra a Covid-19 na América Latina, segundo afirmou um executivo sênior. A expectativa é que isso aconteça logo após a empresa conseguir a autorização de emergência nos Estados Unidos, o que pode ocorrer já no próximo mês.

Em entrevista à agência Reuters, Alejandro Cané, chefe de assuntos científicos e médicos da divisão de vacinas da Pfizer para a América do Norte, afirmou que "a América Latina e outras partes do mundo deveriam ter um "cronograma semelhante" ao dos Estados Unidos".

"Estamos confiantes de que nas próximas semanas ou meses teremos a vacina em uso não só nos EUA e na Europa, mas também em países da América Latina.", declarou Cané. 

Na última quarta-feira (18), a farmacêutica concluiu os testes da fase 3 da sua vacina contra a Covid-19 no Brasil e divulgou que os resultados mostram eficácia de 95% na prevenção à doença, sem efeitos colaterais graves.

*metro1

Nenhum comentário:

Postar um comentário