Brasil está virando uma grande fazenda, diz Rui Costa sobre encerramento da Ford


Após o anúncio de encerramento de atividades da Ford, o governador da Bahia, Rui Costa, disse que o Brasil está virando "uma grande fazenda", devido à falta de investimentos em tecnologia e na industrialização. Nas declarações, feitas em entrevista à Folha de S. Paulo, o governador afirma que o fechamento da fábrica da companhia em Camaçari (BA) expõe um problema de fundo.

“Não há planejamento. O que pensamos nos últimos cinco anos para aumentar o investimento em tecnologia e a industrialização? Nada. Estamos satisfeitos em nos tornarmos uma grande fazenda”, afirma.

Rui também informou que o governo da Bahia tenta agora atrair empresas da China para assumir a produção no local. O governador, no entanto, afirmou que os executivos da Ford lhe apontaram um cenário devastador: a previsão deles é a de que apenas em 2023 a demanda voltará a crescer e que mais indústrias do setor automotivo deverão anunciar a saída do Brasil nos próximos meses.

“Há cinco anos, o Brasil vive uma crise institucional forte, que paralisou as reformas e os investimentos. O capital é avesso a risco e o Brasil se tornou um país de alto risco", destaca. 


*metro1

Nenhum comentário:

Postar um comentário