Bahia ultrapassa 600 mil casos de Covid-19 em 11 meses de pandemia; veja o boletim desta sexta com 3.357 novos infectados


A Bahia registrou 3.357 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas, de acordo com as informações divulgadas pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) nesta última sexta-feira (5).

Segundo dados do boletim, 39 mortes foram registradas em datas diversas. O estado contabiliza ainda 602.792 pessoas atingidas pela doença e 10.294 mortes desde o início da pandemia, o que representa uma letalidade de 1,71%.

Do total de casos, 579.215 já são considerados recuperados e 13.283 encontram-se ativos.

O boletim também informa que 276.038 baianos já foram vacinados contra o coronavírus até às 14h dessa sexta.

Ainda sobre a doença, Salvador é a cidade onde há o maior número de casos proporcionais de pessoas atingidas pela Covid-19: 21,85%. Dentre os municípios com maior incidência por 100 mil habitantes, as cidades que registram o maior coeficiente são: Ibirataia (12.042,84), Itororó (10.401,33), Itabuna (9.557,60), Muniz Ferreira (9.296,69) e Conceição do Coité (9.041,91).

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 986.262 casos descartados e 140.446 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17h desta sexta.

Na Bahia, 40.464 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. O boletim completo está disponível no site da Sesab e em uma plataforma disponibilizada pela secretaria de saúde estadual.

Mortes por raça, cor e sexo

Dentre os óbitos, 56,68% ocorreram no sexo masculino e 43,32% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 55,05% corresponderam a parda, seguidos por branca com 19,77%, preta com 14,72%, amarela com 0,61%, indígena com 0,15% e não há informação em 9,70% dos óbitos.

O percentual de casos com comorbidade foi de 70,63%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (74,25%).

Leitos de UTI

Dos 2.095 leitos ativos na Bahia, 1.031 estão pacientes internados, o que representa uma taxa de ocupação geral de 62%.

Desses leitos no estado, 1.018 são para atendimento na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulto e, neles, a ocupação é de 72%, com 729 em uso. A ocupação dos leitos de UTI pediátrica é de 47%, com 17 das 36 unidades ocupadas.

Já as unidades de enfermaria adulto na Bahia estão com 53% da ocupação e a pediátrica, com 62%. Em Salvador, a taxa de ocupação para os leitos de UTI adulto é de 71%, e para os pediátricos, a taxa é de 59%.


*G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário