Fiocruz confirma presença da variante brasileira no RJ


A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) confirmou ontem (16) a presença da variante brasileira do coronavírus no Rio de Janeiro. 

A mutação, chamada de P.1., foi identificada primeiro em Manaus e é mais transmissível. No entanto, não há informações sobre ser ou não mais letal. 

Ao G1, a fundação explicou que o laudo não informa se há transmissão da mutação no Rio de Janeiro ou se essa amostra é de alguém que pegou a variante em outro lugar e ficou doente no RJ.


*metro1

Nenhum comentário:

Postar um comentário