Surto da Covid-19 na China pode ter sido maior que o divulgado, aponta OMS


O surto da Covid-19 na cidade de Wuhan, na China, pode ter sido maior que o divulgado, segundo apontam membros da Organização Mundial da Saúde que estão em missão na tentativa de encontrar a origem do vírus.

Segundo o investigador Peter Ben Embarek, em entrevista à CNN, afirmou que foram encontrados sinais que de que a propagação do vírus em dezembro de 2019 foi mais ampla do que o que já se sabia.

Também na época já havia mais de uma dúzia de cepas do vírus em Wuhan.

“O vírus estava circulando amplamente em Wuhan em dezembro, o que é uma nova descoberta”, disse Ben Embarek à CNN.

“Sabemos em números aproximados que do total da população infectada cerca de 15% acabam com casos graves, e a grande maioria são casos leves”, afirmou.

*Varela Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário