Fiocruz espera produção 100% nacional de vacina a partir de setembro


A presidente da Fiocruz, Nísia Trindade Lima, disse ontem (8), em um debate promovido pela Comissão temporária da Covid-19 do Senado, que a instituição pretende fabricar o chamado Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA), insumo necessário para produção da vacina de Oxford/AstraZeneca contra a Covid-19.

Com isso, é possível que a partir de setembro o Brasil tenha um imunizante de produção nacional. Até então, a Fiocruz utiliza o IFA importado da China, o que acaba atrasando a vacinação quando há atraso no envio dos insumos. 

Ainda de acordo com a presidente da Fiocruz, a expectativa é de entregar até julho 100.004.400 milhões de doses da vacina AstraZeneca/Oxford, produzida com IFA importado da China.

*Metro1

Nenhum comentário:

Postar um comentário