Governo da Bahia adota medidas mais restritivas em 15 municípios; confira

Foto: Freepik

O governo da Bahia publicou em Diário Oficial, nesta sexta-feira (28), medidas mais restritivas para 15 cidades que ficam na região Nordeste do estado. As restrições começam a partir de sábado (29) e seguirão até o dia 4 de junho. [Veja municípios abaixo]

O decreto determina que, nesses 15 locais, apenas os serviços essenciais devem funcionar. Além disso, o toque de recolher foi ampliado para 19h às 5h nessas cidades. As medidas têm o objetivo de conter a disseminação da Covid-19 na região.

A venda de bebida alcoólica em qualquer estabelecimento está proibida, inclusive por sistema de entrega por delivery, e em mercados, depósitos e distribuidoras. A suspensão vale até as 5h do dia 4 de junho. Bares e restaurantes podem funcionar de portas fechadas, por delivery, até a meia noite.
Mercados poderão vender apenas alimentos, bebidas não alcoólicas e produtos de limpeza e higiene. Os corredores que não tiverem produtos liberados para venda devem ser isolados.

Os eventos e atividades seguem proibidos nessas cidades, independentemente do número de participantes. Festas e shows seguem suspensos em toda a Bahia.

As atividades presenciais de órgãos e entidades da administração pública, que não são enquadrados como serviços essenciais, também estão suspensas presencialmente. Essas atividades serão feitas por regime de trabalho remoto, até o dia 4 de junho. Atendimentos presenciais do Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC) também estão suspensos.

Cidades de aplicação das medidas restritivas:

Adustina;
Antas;
Banzaê;
Cícero Dantas;
Cipó;
Coronel João Sá;
Fátima;
Heliópolis;
Nova Soure;
Novo Triunfo;
Olindina;
Paripiranga;
Ribeira do Amparo;
Ribeira do Pombal ;
Sítio do Quinto;


*G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário