Banco Central abre caminho para uso do Pix pelo WhatsApp e em e compras online

Foto: Marcelo Casal Jr/Agencia Brasil

O Banco Central (BC) divulgou mudanças na regulamentação do Pix nesta última quinta-feira (22) que devem abrir caminho para que aplicativos de mensagem, como o WhatsApp, passem a usar o serviço e comércios on-line ofereçam processos mais simplificados de pagamento instantâneos.

O inicio da implementação da funcionalidade está marcado para 30 de agosto.

Com uma resolução, o BC criou a figura de iniciador de pagamentos do Pix. Diferente de um banco ou fintech em que o cliente tem uma conta transacional, o iniciador de pagamentos servirá justamente apenas para iniciar um pagamento entre duas partes.
Por exemplo, se o WhatsApp decidir aderir ao Pix, ele fará o meio de campo entre duas contas. Caso o cliente estiver em uma conversa com um amigo no aplicativo, ele poderá iniciar um pagamento via Pix dentro do WhatsApp sem precisar abrir o aplicativo do banco. Assim, somente a autenticação de quem está mandando o dinheiro seria feita no aplicativo do banco no celular.

*Metro1

Nenhum comentário:

Postar um comentário