Bahia tem crescimento de casos de síndrome respiratória aguda grave nas últimas semanas, diz Fiocruz

Foto: Arquivo/Agência Brasil

O Boletim InfoGripe da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), divulgado nesta última sexta-feira (24), confirma a tendência de queda dos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) no país verificada nas últimas semanas. A Bahia, no entanto, apresentou sinal de crescimento na tendência de curto prazo, que considera as últimas três semanas.

Do total, apenas outros cinco estados também apresentam crescimento – Amapá, Amazonas, Pernambuco, Rio de Janeiro e Tocantins. Destes, apenas o Rio de Janeiro ainda não atingiu valores inferiores aos observados em 2020.

Nesta sexta, o governador Rui Costa (PT) afirmou estar "preocupado". De acordo com o gestor, em uma semana foi constatado o aumento de 700 casos ativos de coronavírus na Bahia. "Isso não é um bom sinal. Não quero desanimar ninguém, mas o vírus ainda não foi embora. Precisamos acelerar a vacinação e continuar com a prevenção, usando máscaras", afirma em publicação.


*Metro1

Nenhum comentário:

Postar um comentário