Queiroga anuncia redução de intervalo para aplicação da 3ª dose

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, anunciou neste último sábado (18), através de seu perfil no Twitter, que o intervalo para aplicação da 3ª dose reduzirá em um mês. Ao invés de tomar a dose de reforço cinco meses após a segunda dose, o intervalo passa a ser de quatro meses.

Segundo publicou o ministro, a portaria com a modificação será publicada na próxima segunda-feira (20). Queiroga diz que a decisão foi tomada pensando em frear a evolução da variante ômicron no país. 

"A dose de reforço é fundamental para frear o avanço de novas variantes e reduzir hospitalizações e óbitos, em especial em grupos de risco", afirmou. No entanto, não foi citado o parecer da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) sobre a decisão. 

*Metro1

Nenhum comentário:

Postar um comentário