Anvisa vai apurar infrações sanitárias praticadas em cruzeiros com casos de Covid

Foto: MSC

A Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa) informou neste último domingo (2) que vai apurar o descumprimento de protocolos sanitários pelas embarcações que operam cruzeiros marítimos ao longo da costa brasileira. Segundo a agência, as embarcações podem ser multadas e, até mesmo, ter suspensas as atividades.

“De acordo com a Resolução da Anvisa, RDC nº 574, de 2021, as atividades das embarcações podem ser suspensas, por determinação da Anvisa, em decorrência da identificação de riscos à saúde pública ou do descumprimento das normas sanitárias vigentes”, diz a agência em nota.

Cerca de 20 passageiros a bordo do navio MSC Precioza, que atracou no Pier Mauá, na Zona Portuária do Rio, na manhã deste domingo, foram detectados com Covid-19. Dois casais conseguiram abandonar o navio antes do permitido pela empresa.
Outro caso, o o MSC Splendida também teve a sua operação interrompida no dia 30 e a retomada de sua operação depende de nova avaliação pela Agência. As duas embarcações estão impedidas de realizar novas operações.

*Metro1

Nenhum comentário:

Postar um comentário