Ex-primeiro-ministro do Japão morre baleado durante discurso

Foto: Reprodução/Youtube

O ex-primeiro-ministro japonês Shinzo Abe, de 67 anos,  morreu após ser baleado durante um discurso nesta sexta-feira (8). O caso aconteceu no oeste do Japão, na cidade de Nara próximo à estação Yamato-Saidaiji. A polícia prendeu um suspeito e apreendeu uma espingarda. 

Segundo o hospital universitário de Nara, para onde o ex-ministro foi levado de helicóptero, ele já chegou ao local sem vida. Abe apresentava dois ferimentos "profundos", sendo um deles no coração. "Ele estava sangrando muito e, infelizmente, não pudemos salvá-lo", informou a unidade de saúde em nota.

A imprensa japonesa informou que o ex-primeiro-ministro foi atingido por pelo menos dois tiros, um no peito e outro no pescoço, e caiu já ensanguentado. Imagens do momento dos disparos mostram Abe no chão, com as mãos no peito e roupa ensanguentada. 
Um homem de 42 anos foi detido como suspeito. A imprensa japonesa informou que ele é Tetsuya Yamagami, um ex-integrante da Marinha do Japão. A polícia afirmou que recuperou a arma usada no ataque. Segundo a imprensa local, se trata de uma espingarda caseira, de fabricação grosseira.

A morte chocou o país, onde mortes por armas de fogo são muito raras. Nas redes sociais circulam imagens do momento do atentado. 

*Metro1

Nenhum comentário:

Postar um comentário