Quase 15% dos eleitores aptos não são obrigados a votar este ano

Foto: Divulgação/TSE

Dados divulgados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) indicam que desde as eleições gerais de 2018, o número de eleitores cresceu 6,21%, passando de 147 milhões para 156.454.011 pessoas aptas a votar em 2022. Deste total, 14,92%, ou 23.349.656, não são obrigados a votar.

No Brasil, apenas pessoas entre 16 e 17 anos, com mais de 70 anos e analfabetos têm direito ao voto facultativo, o que significa que podem votar, mas se não forem, não serão punidos de nenhuma forma.

Este ano, 2.116.781 jovens de 16 e 17 anos poderão escolher seus representantes, um crescimento de 51,13% em relação à 2018.

Já no caso dos maiores de 70 anos, o número deste ano – 14.893.281 – é 23,82% maior do que o de 2018.
O dado dos analfabetos, porém, vai na contramão, visto que este ano há 3,54% menos pessoas que podem votar. No total, serão 6.339.894 pessoas que não sabem ler ou escrever votando, frente aos 6.574.188 de 2018.

Nenhum comentário:

Postar um comentário