Passa de mil o número de desabrigados e desalojados após cinco dias de temporais em cidade no oeste da Bahia

Foto: Reprodução/TV Bahia

Um novo temporal provocou alagamentos e invadiu casas na cidade de Wanderley, no oeste da Bahia, na terça-feira (30), cinco dias após os primeiros registros de transtornos causados por fortes chuvas no município. De acordo com a prefeitura, pelo menos 1.100 famílias continuam desabrigadas e desalojadas. 

A prefeitura informou que, com a chuva da manhã de ontem, o riacho Tijucuçu voltou a transbordar. O município tem alerta de cor amarela, considerado perigoso, emitido pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

Moradores da região realizam um mutirão para a limpeza de casas e ruas que foram tomadas pelo lamaceiro.
A prefeitura informou que pelo menos 100 cestas básicas foram disponibilizadas pelo Corpo de Bombeiros. Um trabalho de limpeza e retirada de entulhos e móveis, além da disponibilização de carros-pipas, acontece no município.

Em imagens feitas por moradores é possível ver muitos pontos de alagamentos, pontes interditadas, idosos sendo carregados, além de pessoas transportadas em uma pá carregadeira e barcos improvisados.

Equipes do Corpo de Bombeiros da cidade de Barreiras foram encaminhadas para o município de Wanderley na sexta-feira (26). Os agentes precisaram levar botes e outros materiais de resgate.

As pessoas desabrigadas e desalojadas estão sendo levadas para os abrigos, incluindo o Colégio Municipal Isaias Silva.

*G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário