Anvisa pede uso de máscara para adiar chegada da varíola dos macacos

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Diante do aumento no número de casos da varíola de macaco, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) emitiu nota reforçando a necessidade de adoção de medidas "não farmacológicas", como distanciamento físico, uso de máscaras de proteção e higienização frequente das mãos, em aeroportos e aeronaves, para retardar a entrada do vírus no Brasil.

A varíola de macaco é uma doença pouco conhecida porque a incidência é maior na África. Até o momento, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) há 131 casos confirmados de varíola dos macacos, registrados fora do continente africano e 106 outros casos suspeitos, desde que o primeiro foi relatado em 7 de maio.

"A Anvisa mantém-se alerta e vigilante quanto ao cenário epidemiológico nacional e internacional, acompanhando os dados disponíveis e a evolução da doença, a fim de que possa ajustar as medidas sanitárias oportunamente, caso seja necessário à proteção da saúde da população", diz a nota divulgada ontem (23).

Ultramaratona para celebrar independência da Bahia terá 12h de duração

Foto: Divulgação

A prefeitura de Salvador lançou, nesta terça-feira (24), a Ultramaratona da Independência, para celebrar a independência do Brasil na Bahia, no dia 2 de julho. A corrida terá 42 quilômetros de percurso e 12 horas de duração.  Os detalhes foram apresentados pelo prefeito Bruno Reis e pelo presidente da Empresa Salvador Turismo (Saltur), Isaac Edington, durante solenidade realizada no Teatro Gregório de Mattos (TGM), no Centro. 

Concebida em parceria com a Federação Baiana de Atletismo (FBA), a primeira edição da competição ocorrerá no próximo 2 de julho, das 18h até as 6h do dia seguinte, na orla da Boca do Rio, nas proximidades do Parque dos Ventos. 

Prova – A Ultramaratona da Independência será a primeira ação da gestão municipal em homenagem ao bicentenário da Independência do Brasil na Bahia, que acontece em 2023, além de ter o objetivo de tornar a cidade referência no destino de corridas de rua no país. A competição será uma corrida de única etapa, com total liberdade de ritmo, tendo duração total de 12 horas e abrangendo distância superior a 42 km. 

Inauguração Balanças e Cia Prime

Greve do INSS deixou de realizar 22 mil perícias na Bahia

Foto: Agência Brasil

Foram 54 dias de greve até que os médicos peritos do INSS retomaram as atividades em todo o país  Na Bahia, cerca de 22 mil consultas de perícia terão que ser reagendadas após a paralisação. Os pacientes precisam entrar em contato com o órgão para remarcar através do telefone 135 ou do aplicativo e site Meu INSS. Por parte dos profissionais, a promessa de fazer mutirões para atender a demanda reprimida.

A greve tinha como pauta a reivindicação de melhores condições de trabalho, reajuste salarial e sobrecarga por conta da defasagem no quadro de servidores. Na semana passada, a categoria conseguiu fechar um acordo com o Ministério do Trabalho e Previdência. 

412 mil baianos ainda não declararam imposto de renda; prazo acaba em uma semana

Foto: Divulgação

Faltando apenas uma uma semana do fim do prazo de entrega da declaração do Imposto de Renda (IR), cerca de 412 mil contribuintes baianos ainda não acertaram as contas com o Leão do IR. 

Quem atrasar a entrega pagará uma multa mínima de R$ 165,74, limitada a 20% do imposto devido no ano.  Ao todo, a  Receita Federal espera receber, até o fim do prazo, 1.377.470 declarações na Bahia. Até a noite desta última segunda-feira (23) o número era de 965.122  até ontem à noite. 

No Brasil, foram 22.529.929 declarações enviadas até o último dia 16  - a projeção do Fisco  é de que 34,1 milhões de pessoas declarem até o dia 31.

Brasil fica em 2º lugar geral em medalhas em olimpíadas estudantis

Foto: CBDE/Divulgação

Encerrada no último domingo (22), em Normandia, na França, as olimpíadas escolares ISF Gymnasiade 2022 tiveram participação histórica da delegação brasileira tanto no número de atletas - foram 230 jovens entre 16 e 18 anos - quanto no quadro geral de medalhas - onde o Brasil foi vice-campeão, com 45 ouros, 45 pratas e 36 bronzes.

A delegação brasileira participou de competições em 20 modalidades. Segundo dados do Ministério da Cidadania, que destinou R$ 5,5 milhões para os jovens atletas participarem do evento, representantes de 22 estados foram selecionados para os jogos.

“Chegar aqui na França e ver uma delegação deste tamanho, com 230 atletas e paratletas, mais a comissão técnica, sabendo que nosso esporte de base, na plataforma escolar, foi recuperado, ressurgiu, é muito gratificante”, afirmou o ministro da Cidadania, Ronaldo Bento, que esteve presente na cerimônia de encerramento da Gymnasiade.

Covid-19: aplicativo da Fiocruz em Libras já está disponível

Foto: FioCruz/Divulgação

Já está disponível nas plataformas de aplicativo dos sistemas IOS e Android o aplicativo FioLibras, que disponibiliza informações sobre covid-19 em Língua Brasileira de Sinais (Libras). Lançada pelo Instituto de Comunicação e Informação em Saúde (Icict) da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), a ferramenta objetiva facilitar o acesso à comunicação de pessoas surdas. O aplicativo está disponível nas lojas IOS e PlayStore.

O conteúdo foi elaborado com base em pesquisa realizada com pessoas surdas, por meio de questionários online, em que relataram suas principais dúvidas e necessidades de informação sobre a covid-19. A partir dos  dados, foram criados vídeos informativos sobre vacinas, tratamentos, grupos de risco, formas de transmissão, prevenção, diagnóstico, testagem e saúde mental. É possível, inclusive, ter informações sobre fake news (notícias falsas) referentes à doença e sobre recentes pesquisas científicas.

Portugueses publicam genoma do vírus da varíola dos macacos

Imagem: Reprodução/YouTube

Uma equipe de pesquisadores portugueses divulgou o primeiro rascunho da sequência do genoma do vírus Monkeypox, conhecido como “varíola dos macacos”. A sequência genômica do Monkeypox foi elaborada por um grupo de pesquisadores do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA), de Lisboa. O artigo foi publicado no site Virological.

Os pesquisadores, liderados por João Paulo Gomes, relataram que o resultado foi obtido pelo método swab coletado em 4 de maio em lesões cutâneas de um paciente do sexo masculino. Segundo o estudo, a primeira análise do esboço do genoma indica que o vírus de 2022 pertence à região da África Ocidental e está mais relacionado ao vírus da varíola dos macacos, exportado da Nigéria, em 2018 e 2019, para países como Reino Unido, Israel e Cingapura.

De acordo com a publicação, os dados preliminares serão atualizados com a divulgação de novos dados do genoma, “que serão importantes para elucidar a origem e disseminação internacional do vírus atualmente circulante”.

Brasil registra recorde histórico do preço médio do óleo diesel

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O preço médio do óleo diesel registrado no Brasil chegou a R$ 6,943 e atingiu o maior patamar da série histórica, iniciada pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) em 2004. O valor é referente ao período de 15 a 21 de maio de 2022 e não considera os valores do óleo diesel S 10, que foi incluído nos levantamentos da ANP somente a partir de 2013.

A diferença entre os dois tipos de combustíveis é a quantidade de enxofre na composição. O óleo diesel S500 possui o teor máximo de enxofre permitido de 500 mg/kg, já o S10 possui o teor mínimo permitido de 10 mg/kg.

Governo anuncia corte no imposto de importação de arroz, feijão, carne e outros itens

Imagem Web

O Ministério da Economia anunciou nesta última segunda-feira (23) um novo corte de 10% no imposto de importação cobrado sobre bens como feijão, carne, massas, biscoitos, arroz e materiais de construção.

Em novembro do ano passado, o governo havia feito uma redução da mesma magnitude no imposto.

Segundo o Ministério da Economia, as duas reduções somadas afetam mais de 87% dos produtos sujeitos a essa tributação. Nesse conjunto de bens, de acordo com a pasta, as alíquotas foram reduzidas a zero ou sofreram um corte total de 20%.

Assim como no ano passado, ficaram de fora do corte produtos de setores como têxteis, calçados, brinquedos, laticínios e produtos do setor automotivo que já tinham tarifa superior a 14%.