Quase 60% das mortes por Covid-19 na Bahia são de pessoas com comorbidades, aponta Sesab;

 Foto: Divulgação / Sesab

Nas últimas 24 horas foram registrados 580 novos casos de Covid-19 e seis mortes na Bahia, segundo o boletim divulgado nesta última quarta-feira (8), pela Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab).

O boletim mostra que 16.271 das 27.370 pessoas que morreram com a doença (59,45%), desde o início da pandemia, tinham alguma comorbidade. A secretaria não detalhou quais delas mais contribuíram para os óbitos.

Segundo a Sesab, 55,74% das pessoas que morreram com Covid-19 são mulheres e 44,26% são homens.

Os idosos com mais de 80 anos foram os que mais morreram com a doença, seguidos dos que têm entre 79 e 70 (22,5%), 69 a 60 (20,7%), 59 e 50 (15,4%).

De acordo com o boletim, as cidades que tiveram mais mortes foram: Salvador (11.729), Vitória da Conquista (1.397), Feira de Santana (1.253, Ilhéus (1.150), Itabuna (997) e Barreiras (845).
A Bahia registrou desde o início da pandemia 52.616 casos de profissionais da saúde infectados com a Covid-19, sendo 150 deles de etnia indígena.

Outros dados
Desde o início da pandemia, dos 1.264.804 casos confirmados, 1.234.405 são considerados recuperados, 3.029 estão ativos e 27.370 pessoas morreram.

Segundo a Sesab, 1. 652.427 casos foram descartados e 259.680 estão em investigação.

Os dados do boletim representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17h desta quinta-feira.

O boletim completo está disponível no site da Sesab e na plataforma online.

Leitos Covid-19
A Bahia tem 1.231 leitos ativos para tratamento da Covid-19. Desse total, 414 estão com pacientes internados, o que representa taxa de ocupação geral de 34%.

Desses leitos, 507 são de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulto e têm taxa de ocupação de 42% (213 leitos ocupados).

Nas UTIs pediátricas, 23 das 29 vagas estão com pacientes, o que representa taxa de ocupação de 79%. Os leitos clínicos para adultos estão com 23% de ocupação e os infantis com 48%.

Em Salvador, dos 265 leitos ativos, 140 estão ocupados (53% de ocupação geral). A taxa de ocupação dos leitos de UTI adulto é de 41% e dos pediátricos está em 80%.

Ainda na capital baiana, os leitos clínicos para adultos estão com 53% de ocupação e, os pediátricos, estão com 77%.


*G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário