Anvisa recebeu 458 ameaças após aprovação da vacina infantil contra Covid, diz Barra Torres

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O diretor-presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Antonio Barra Torres, afirmou que, até a última segunda-feira (14), o órgão recebeu 458 ameaças ou críticas à aprovação da aplicação de vacinas contra a Covid-19 em crianças.

Ele deu a informação nesta última quarta-feira (16) durante reunião da Comissão de Direitos Humanos do Senado.

O diretor afirmou que, antes da data da aprovação, a agência tinha recebido três ameaças relacionadas ao assunto.
"Nas primeiras 48 horas após a aprovação das vacinas, o número de ameaças por e-mail — e-mails intimidadores, termos agressivos —, ultrapassou 124, para ser preciso. Ou seja, saltamos de 3 antes da reunião para 124", disse.

*Metro1

Nenhum comentário:

Postar um comentário