Servidores públicos aposentados e pensionistas estaduais podem fazer prova de vida por aplicativo

 Foto: Divulgação/Saeb

Os servidores públicos aposentados e pensionistas estaduais vinculados à Previdência do Estado da Bahia agora tem mais uma alternativa para realizar a prova de vida sem precisar comparecer ao atendimento presencial.

A Prova de Vida Digital, serviço inteiramente remoto, permite a realização do procedimento de qualquer celular com acesso à internet por meio do aplicativo GOV.BR. A novidade já pode ser usada pelos 10.949 beneficiários convocados pela Superintendência de Previdência (Suprev) para fazer o procedimento ao longo do mês de março.

Em contrapartida, os beneficiários de janeiro e fevereiro ainda pendentes só podem se submeter à prova de vida por vídeoatendimento ou presencialmente.
Para os 3.945 convocados de fevereiro que ainda não atenderam ao seu chamado, a Suprev ampliou para 15 de março o prazo para se submeter a prova de vida sem risco de interrupção no recebimento dos proventos. Já os 1.958 retardatários de janeiro podem ter o benefício bloqueado a qualquer momento.

O cronograma da prova de vida segue o mês de aniversário do aposentado ou do ex-servidor falecido que gerou a pensão previdenciária, e é este período que deve ser seguido para evitar bloqueios.

"A prova de vida permite à Previdência ter mais controle sobre seus beneficiários, evitando pagamentos indevidos e tentativas de fraudes", explicou a coordenadora de Relacionamento com o Beneficiário da Suprev, Sílvia Machado.

Serviço digital
Desde que a prova de vida foi retomada pela Previdência Estadual da Bahia, em janeiro deste ano – após um período de interrupção gerado pela pandemia do coronavírus – os beneficiários estaduais passaram a contar com a opção de realizar o procedimento tanto presencialmente como à distância, por videoatendimento.

Com a integração do serviço ao GOV.BR, a prova de vida poderá ser feita também de forma totalmente digital, sem a interação com atendentes, via sistema de reconhecimento facial.

“O recadastramento digital simplifica a rotina do servidor aposentado ou do pensionista. É um público que precisa contar com a segurança e a comodidade em sua relação com o Estado, portanto, para nós, é fundamental entregar um serviço confiável para um atendimento adequado”, disse o secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, Caio Mario Paes de Andrade.

Etapas
  • Baixar o aplicativo e fazer conta no GOV.BR. Caso já possua uma conta, basta acessá-la no aplicativo, digitando CPF e senha. Clique aqui para saber como criar um login.
  • Em seguida, é preciso realizar o reconhecimento facial, com a câmera do celular em um ambiente iluminado. Para essa etapa, o pré-requisito é que o beneficiário ou pensionista tenha biometria cadastrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ou na Secretaria Nacional de Trânsito (Senatran).
  • Em seguida, no próprio GOV.BR, na aba “serviços”, o beneficiário poderá confirmar a realização da prova de vida.
A plataforma GOV.BR tem mais de 125 milhões de usuários cadastrados, mais da metade da população brasileira com acessibilidade aos serviços públicos ofertados em formato digital. A Prova de Vida é um dos quase 3,6 mil serviços digitalizados pelo governo brasileiro.

Os servidores inativos e pensionistas que optarem pelo videoatendimento ou pelo comparecimento presencial aos postos da Rede SAC podem conferir informações no Portal do Servidor do governo da Bahia, por meio do site.

Nos dois casos, é preciso realizar agendamento prévio por meio SAC Digital ou no call center da Suprev pelos telefones 0800 071 5353 (para chamadas de telefone fixo, celular ou DDD) e (071) 4020-5353 (para ligações originadas do interior do estado e de celular).


*G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário