Total de aposentadorias de servidores em 2022 é o menor desde 2012


Até o momento, o ano de 2022 tem o menor número de aposentadorias de servidores públicos federais desde 2012. Ao todo, 3.529 funcionários se aposentaram de janeiro a abril. No mesmo período do ano passado, foram 3.634. A queda de 2021 para 2022 foi de 2,8%, quando considerados somente os quatro primeiros meses do ano.

Neste ano, os órgãos que mais perderam funcionários foram o Ministério da Saúde (188), a Universidade Federal da Paraíba (54), o Instituto Nacional do Seguro Social (48) e o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (35). 

Os números foram analisados pelo Metrópoles, parceiro do Bahia Notícias, com base nos dados divulgados pelo Ministério da Economia no Painel Estatístico de Pessoal (PEP).
Atualmente, os quadros da União contam com 573 mil servidores públicos ativos, divididos por órgãos e autarquias federais.

De 2012 para cá, os anos com mais aposentadorias foram, em ordem cronológica:

2017 – 8,8 mil;
2019 – 15,2 mil;
2020 – 7,4 mil.
 
As entidades que representam os servidores públicos criticam a falta de reposição das pessoas que se aposentam e a demora para a análise dos pedido de aposentadoria.

O secretário-geral da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Federal (Condsef), Sérgio Ronaldo, reclama do panorama atual.

Veja o número de aposentadorias de servidores desde 2012:

2012 – 6.748
2013 – 6.800
2014 – 6.060
2015 – 6.851
2016 – 6.074
2017 – 8.814
2018 – 8.204
2019 – 15.286 (ano da reforma da Previdência)
2020- 7.489
2021 – 3.634
2022 – 3.529


*Bahia Notícias/Foto: Pedro França/Agência Senado

Nenhum comentário:

Postar um comentário