Agronegócio baiano representa mais de 24% do PIB estadual no primeiro trimestre de 2022

 Foto: SEI Bahia

O PIB do agronegócio baiano chegou a 22,7 bilhões no primeiro trimestre deste ano. O valor representa 24,3% do PIB estadual para o período, superando os 24% de 2021. A informação foi divulgada pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI) nesta última segunda-feira (13).

Apesar do aumento da participação no total da economia, o PIB do agronegócio registrou recuo de 0,7% no primeiro trimestre de 2022 se comparado ao primeiro trimestre de 2021.

Mesmo com o recuo, entre janeiro e abril de 2022 o agregado I (produção de insumos) e agregado III (processamento dos produtos agropecuários) aumentaram as participações no PIB do estado. Eles passaram de 1,65% para 1,77% e 3,57% para 6,59%, respectivamente.
De acordo com João Paulo Caetano, coordenador de Contas Regionais da SEI, é possível ter uma queda em reais, mas ao mesmo tempo aumentar a participação. Isso acontece por causa da oscilação de preços superior à queda calculada em termos reais.

*G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário